Fábrica da Granolab/Granotec adota solução de rede óptica da Furukawa

11:52 AM Add Comment
A solução Laserway deverá facilitar a adição de novos pontos de rede às instalações inauguradas pela empresa em Araucária (PR). A Delta Cable foi a distribuidora responsável pelo projeto.
“Escolhemos a solução Laserway por ser uma tecnologia de ponta, com escalabilidade muito boa, que vai facilitar a expansão já prevista no projeto dessa nova fábrica”, afirma Allan Maia, gerente de TI da Granolab/Granotec. Ele conta que as novas instalações da empresa em Araucária - que, além da área industrial, incluem também um prédio administrativo - estão sendo inauguradas com 320 pontos de rede. Com a expansão, a intenção é adicionar mais 200 pontos de rede.
“Esse foi mais um motivo da opção pela solução Laserway: a adição desses novos pontos à rede poderá ser feita de forma rápida e simples, acrescentando placas às OLTs (Optical Line Terminal)”, explica o executivo, destacando a simplificação da infraestrutura de comunicação propiciada pela solução da Furukawa.
“Não houve necessidade de instalar salas técnicas especiais para acomodar equipamentos de rede. Além disso, essa solução permite chegar com a fibra ótica diretamente até as câmeras de monitoramento, computadores e outros equipamentos instalados nas pontas”, acrescenta.
 Alfredo Gobbato Junior, da Sigma Telecom, solution provider da Furukawa responsável pela implantação da solução Laserway na Granolab/Granotec, enfatiza que essa é uma das principais vantagens dessa tecnologia, que utiliza o conceito de rede ótica GPON-LAN. “Ela permite implantar uma rede de dados multisserviços, com até 256 dispositivos conectados por uma única fibra ótica”, explica. “Isso reduz a quantidade de equipamentos e torna a rede mais limpa, o que se reflete em menor investimento em mão-de-obra e em infraestrutura (como eletrocalhas, etc.), menor custo de operação e manutenção e, ainda, menor consumo de energia e redução do impacto ambiental.”

Na Granolab/Granotec, a solução Laserway interliga, por meio de uma única infraestrutura de fibra ótica, 48 câmeras de monitoramento, computadores, roteadores Wi-Fi, equipamentos industriais e de controle de acesso. Essa infraestrutura dá suporte a múltiplos tipos de serviços, como telefonia IP, TV corporativa, sistema de automação e de segurança, além dos serviços de dados convencionais.
 “A facilidade de manipulação propiciada por essa tecnologia permitiu ainda criar um anel de fibra ótica entre a fábrica e o prédio administrativo, para ter redundância na rede e, assim, aumentar a confiabilidade da comunicação”, completa o gerente de TI da Granolab/Granotec. “Afinal, temos um laboratório que é referência na área de trigo e, frequentemente, recebe visitas de clientes. É importante mostrar a eles que temos uma rede com alta confiabilidade.”